Avançar para o conteúdo

Renault anuncia fabricação de SUV e motor 1.0 turbo no Paraná

  • por

Companhia destinou R$ 1,1 bilhão para a incrementar o Complexo Ayrton Senna

Empresa informa que a plataforma CMF-B permitirá a fabricação de novos produtos, além de uma eventual eletrificação dos veículos

A Renault confirmou mais uma série de investimentos no Paraná. A montadora de origem francesa vai iniciar a produção de um novo SUV, por meio da plataforma CMF-B, e de um novo motor 1.0 turbo no Complexo Industrial Ayrton Senna, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). O anúncio foi feito nesta segunda-feira (7) em um ato simbólico, no Palácio Iguaçu, com a presença do governador Carlos Massa Ratinho Junior, do presidente da empresa na América Latina, Luiz Fernando Pedrucci, e do presidente da Renault do Brasil, Ricardo Gondo.

De acordo com a Renault, a plataforma CMF-B permitirá a fabricação de novos produtos, além de uma eventual eletrificação dos veículos – a previsão é que um SUV seja incorporado ao portfólio do grupo até o fim de 2023. “É o início da fase ‘Renovation’ do nosso plano estratégico na América Latina, um momento. O investimento nesta plataforma nos permite brigar por novos produtos nos próximos anos”, afirmou Pedrucci. “A chegada da moderna plataforma CMF-B, juntamente com um novo motor 1.0 turbo, dão continuidade à nossa estratégia de reforçar nossa presença em segmentos mais altos do mercado, coerente com o plano estratégico da empresa”, explicou Gondo.

O anúncio encorpa o ciclo de novos investimentos confirmado há um ano pela montadora para o Paraná. A Renault destinou R$ 1,1 bilhão para a incrementar o Complexo Ayrton Senna. O valor ajudou na renovação de veículos do atual portfólio da empresa e também na formatação de um motor 1.3 turbo, de três cilindros. Entre os destaques, destaque para novo Captur com novo motor turbo TCe 1.3 Flex; Kwid 2023; da nova Master 2023; e do Duster com novo motor turbo TCe 1.3 Flex; o lançamento do Zoe E-TECH Electric; e a confirmação da comercialização do Kwid E-TECH Electric.

A Renault está instalada no Paraná há mais de 23 anos. São cerca de 7.300 colaboradores diretos e 25 mil empregos indiretos. São quatro fábricas instaladas no complexo em São José dos Pinhais: veículos de passeio, comerciais leves, motores e injeção de alumínio. A Renault é a 24ª maior empresa da região e também a nona maior do Paraná, de acordo com o ranking 500 MAIORES DO SUL, publicado pelo Grupo AMANHÃ com o apoio técnico da PwC. Leia o anuário completo clicando aqui, mediante pequeno cadastro.

Quer saber mais sobre negócios do Sul?
Receba diariamente a newsletter do Grupo AMANHÃ. Faça seu cadastro aqui e, ainda, acesse o acervo de publicações do Grupo AMANHÃ.

Companhia destinou R$ 1,1 bilhão para a incrementar o Complexo Ayrton Senna

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.