Avançar para o conteúdo

Receita da Positivo Tecnologia avança 53% em 2021

  • por

O lucro líquido totalizou R$ 202,8 milhões

A Positivo Tecnologia é a 69ª maior empresa da região e também a 30ª maior do Paraná, de acordo com o ranking 500 MAIORES DO SUL

A Positivo Tecnologia, de Curitiba, reportou em seu relatório trimestral que a receita líquida obteve alta de 53,5%, para R$ 3,3 bilhões. Já o lucro líquido de 2021 totalizou R$ 202,8 milhões, valor 3,6% maior que em 2020 (veja os principais resultados na tabela ao final desta reportagem). No caso do lucro, o resultado do quarto trimestre foi positivamente impactado por créditos tributários de litígios referentes a inconstitucionalidade da inclusão do ICMS na base de cálculo do PIS e Cofins, da liquidação de processos administrativos em disputas relativas a ISS e pela adoção de procedimentos de contabilização ligados aos tributos diferidos.

Segundo a companhia, um marco importante em 2021 foi o crescimento da unidade de negócios corporativos que vem aumentando sua representatividade na receita total. A empresa alcançou comercialização recorde dos equipamentos, tanto para grandes corporações como para pequenas e médias empresas, e ainda ampliou o market share no segmento.

“O negócio HaaS (Hardware as Service) obteve demanda como nunca vista e já representa em torno de 40% do faturamento das vendas para grandes empresas. Destaque também para o R-HaaS, com as vendas e locações de equipamentos usados e remanufaturados, que ganhou tração ao longo do ano e representa uma importante contribuição para promover a cultura da economia circular”, destaca a Positivo.

A empresa também comemora os resultados de suas soluções de pagamento. Com o final do período de exclusividade junto a Cielo, a Positivo ganhou escala, passando a atender um mercado expressivo e que engloba todos os adquirentes do país, como é o exemplo do contrato com a Stone firmado em novembro.

Na unidade de instituições públicas, a Positivo mais que dobrou sua receita bruta em relação ano anterior. Em relação aos projetos já ganhos (contratados e a contratar), perfazemos o montante de mais de R$ 2 bilhões para os próximos períodos. Ainda, em dezembro, a companhia venceu nova licitação para fornecimento de mais 176 mil urnas eletrônicas para as eleições de 2024.

A Positivo Tecnologia é a 69ª maior empresa da região e também a 30ª maior do Paraná, de acordo com o ranking 500 MAIORES DO SUL, publicado pelo Grupo AMANHÃ com o apoio técnico da PwC. Leia o anuário completo clicando aqui, mediante pequeno cadastro.

O lucro líquido totalizou R$ 202,8 milhões

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.